A AMARGURA

27/07/2015 08:04

Frederico Spencer

 

Encontrei a amargura

no homem liso, no letrado

o seu ranço triste

devorando vísceras

na mesa de jantar, corações

ofertados, numa bandeja

músculos trêmulos

enquanto avança o dia

bebericam a última gota

de sangue.

Encontrei a amargura e ela

nos encontrou, rondando

os jazigos de nossa urbanização.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!